É necessário a instalação do Flash Player para conseguir visualizar correctamente esta página.
Clique aqui para mais informação.

Notícias

Projecto da Burra de Milho FESTIVAL DA RIVIERA EM DOCUMENTÁRIO

Segunda-Feira, dia 05 de Novembro de 2012

A Associação Cultural Burra de Milho, em parceria com a Direcção Regional da Cultura, está a preparar a realização de um documentário sobre o Festival Musical Açores 76/77, popularmente conhecido por Festival da Riviera.

O projecto, coordenado por Helena Cordeiro, encontra-se ainda em fase de pré-produção, pretendendo recuperar a memória de um evento que marcou uma época na Terceira sendo o primeiro de uma série documental levada a cabo pela associação cultural sobre os festivais musicais do arquipélago.

Embora o projecto esteja ainda numa fase embrionária, os seus responsáveis deparam-se desde já com uma grande falta de conteúdos sobre este evento, mesmo por parte da organização, liderada por Carlos Parreira.

Para tal, foi criada uma página no Facebook (https://www.facebook.com/musicalacores) que pretende ser um ponto de partida para a recolha de informação, fotos, vídeos, testemunhos, contributos pessoais e, ao mesmo tempo, um ponto de encontro de espectadores, organizadores, participantes e curiosos do Festival.

Se acha que pode contribuir para este pode entrar em contacto com a Burra de Milho através de burra.de.milho@gmail.com, facout@gmail.com ou 916423836.

“O pouco que temos foi-nos fornecido pela organização e a maioria desse material são fotografias”, refere Helena Cordeiro, acrescentando que o espaço na rede social está a ter muitas contribuições e apoio a este projecto.

O documentário deverá estrear mais ou menos dentro de um ano, “dependendo do conteúdo que consigamos recolher”, com distribuição prevista, para já, apenas para a Terceira.

O Festival Musical Açores partiu de uma ideia de grupo de jovens da Praia da Vitória alguns deles ligados à rádio e todos apaixonados pela música “rock”, tendo a sua primeira edição a 7 e 8 de Outubro de 1976 na Praia da Riviera com um cartaz que incluía uma dúzia de bandas açorianas e dois grupos americanos da Base das Lajes, resultando em 24 horas ininterruptas de música.

No ano seguinte voltou-se a organizar o festival, desta vez no fim de semana de 13 e 14 de Agosto, novamente com catorze grupos, onde se incluam cinco de Lisboa, entre os quais os “Beatnicks” com uma jovem e desconhecida Lena D´Agua como vocalista.

Poucos anos após o 25 de Abril o fenómeno dos festivais de música era algo quês estava a dar os primeiros passos no nosso pais, pelo que esta segunda edição do Festival Musical Açores despertou a curiosidade da comunicação social nacional, com vários órgãos a marcarem presença.

Fonte: http://www.auniao.com/noticias/ver.php?id=29679

Recomendar este sítio a um amigo Copyright © Via Oceânica 2008 - Todos os direitos reservados