É necessário a instalação do Flash Player para conseguir visualizar correctamente esta página.
Clique aqui para mais informação.

Notícias

Açores Cordeiro apela à valorização "da diferença" na União Europeia

Sexta-Feira, dia 06 de Junho de 2014

O presidente do Governo dos Açores, Vasco Cordeiro, apelou hoje à valorização "da diferença" na União Europeia e ao apoio "às interligações" como forma de promover a coesão e o desenvolvimento de setores como o turismo.

"Os dias que vivemos hoje na União Europeia exigem de todos nós, enquanto cidadãos e enquanto líderes políticos regionais, um maior esforço de aprendizagem e de compreensão das diferentes realidades regionais da Europa e da sua valorização e promoção", afirmou.

Vasco Cordeiro falava em Ponta Delgada, na abertura do seminário "Para lá da época alta - promover o turismo sustentável ao longo de todo o ano", organizado pelo Governo dos Açores e pela Comissão de Recursos Naturais do Comité das Regiões da União Europeia (UE).

Para o presidente do executivo açoriano, "o grande desafio" é "fazer com que a União [Europeia] seja valorizadora da diferença, respeitadora das particularidades e aberta nos seus propósitos de promover a coesão social, económica e territorial de todo o espaço comunitário".

"Qualquer passo noutra direção seria promover o regresso da Europa e dos seus estados ao isolamento e à desagregação que marcaram outros tempos", acrescentou.

Estes princípios aplicam-se também, no seu entender, aos desafios do turismo e que passam por "promover mais e melhor turismo" nas diversas regiões europeias "e combater os efeitos prejudiciais da sazonalidade".

"Creio que esse desiderato só será plenamente atingido se a União Europeia promover a abertura de todo o espaço comunitário, apoiar as interligações e a conectividade em todo o território, particularmente naqueles que estão mais distantes ou que, estruturalmente, necessitam de mais apoio", afirmou.

Elogiando "a atenção reforçada" que a UE está a dar às questões do turismo, em particular ao turismo costeiro e marítimo, com a apresentação, em fevereiro, de uma estratégia para este segmento por parte da Comissão, Vasco Cordeiro deixou, porém, alguns alertas.

"Para que os objetivos dessa estratégia de promoção do crescimento e do emprego possam ser transformados em resultados concretos, exige-se, contudo, uma maior atenção e uma maior articulação também em políticas como dos transportes e da conectividade, da formação profissional e de recursos humanos e na possibilidade de financiar investimentos estruturantes para a promoção dos destinos turísticos europeus ou para a acessibilidade a esses destinos", defendeu.

Neste contexto, insistiu em que a Comissão Europeia deve assumir "uma ação mais visível de promoção e suporte na divulgação da diversidade e da riqueza dos destinos europeus", em complemento "aos esforços" das entidades regionais e locais.

Em relação aos Açores, reiterou o objetivo de transformar o arquipélago num "destino de excelência", rentabilizando "pontos fortes" como a relação com o mar, a qualidade ambiental, a arquitetura "protegida", a gastronomia com "produtos diferenciadores" e "o elevado nível de segurança".

Como "pontos de partida" para a definição de políticas de turismo nos Açores, apontou a "sustentabilidade" e o combate à sazonalidade.


Fonte: Noticias ao minuto

 

http://www.noticiasaominuto.com/politica/230604/cordeiro-apela-a-valorizacao-da-diferenca-na-uniao-europeia

Recomendar este sítio a um amigo Copyright © Via Oceânica 2008 - Todos os direitos reservados