É necessário a instalação do Flash Player para conseguir visualizar correctamente esta página.
Clique aqui para mais informação.

Notícias

CAMPANHA SOS CAGARRO 2014 ARRANCA HOJE COM AÇÃO DE SENSIBILIZAÇÃO NA HORTA

Quinta-Feira, dia 16 de Outubro de 2014

<p>HORTA &ndash; O Governo dos A&ccedil;ores promove, de hoje at&eacute; 15 de novembro, mais uma edi&ccedil;&atilde;o da campanha SOS Cagarro, num per&iacute;odo que coincide com a sa&iacute;da dos cagarros juvenis dos ninhos para o seu primeiro voo transoce&acirc;nico.</p> <p>O in&iacute;cio oficial da Campanha SOS Cagarro &eacute; assinalado, pelas 20h00, com uma visita do Agrupamento de Escuteiros da Ribeirinha &agrave; Casa do Parque, na Paisagem Protegida do Monte da Guia, no Faial, que contar&aacute; com a participa&ccedil;&atilde;o do Secret&aacute;rio Regional da Agricultura e Ambiente, Lu&iacute;s Neto Viveiros.</p> <p>A Casa do Parque, onde funciona a sede da Campanha SOS Cagarro na ilha do Faial, ser&aacute; o ponto de partida dos volunt&aacute;rios para as Brigadas Noturnas e tamb&eacute;m o local onde se v&atilde;o desenrolar as principais a&ccedil;&otilde;es relacionadas com esta campanha, nomeadamente a rece&ccedil;&atilde;o, anilhagem e tratamento das aves marinhas recolhidas, bem como diversas a&ccedil;&otilde;es de sensibiliza&ccedil;&atilde;o ambiental.</p> <p>No final da visita, os escuteiros deslocam-se para a avenida 25 de abril, na cidade da Horta, onde se realizar&aacute; uma a&ccedil;&atilde;o de sensibiliza&ccedil;&atilde;o aos automobilistas sobre a necessidade de adotarem uma condu&ccedil;&atilde;o respons&aacute;vel e atenta, uma vez que nesta altura do ano verifica-se a ocorr&ecirc;ncia de um elevado n&uacute;mero de cagarros juvenis perdidos junto &agrave;s estradas, correndo risco de atropelamento.</p> <p>Esta a&ccedil;&atilde;o contar&aacute; com o apoio da Guarda Nacional Republicana e da Pol&iacute;cia de Seguran&ccedil;a P&uacute;blica da Horta.</p> <p>Os A&ccedil;ores albergam cerca de 188 mil casais reprodutores de cagarros, ou seja, 75% da popula&ccedil;&atilde;o mundial da subesp&eacute;cie Calonectris diomedea borealis e 60 a 65% da popula&ccedil;&atilde;o mundial da esp&eacute;cie Calonectris diomedea, sendo, por isso, crucial a sua prote&ccedil;&atilde;o e conserva&ccedil;&atilde;o nas ilhas do arquip&eacute;lago.</p> <p>Esta campanha decorre nos A&ccedil;ores desde 1995, tendo como principal objetivo envolver as pessoas e entidades no salvamento dos cagarros juvenis encontrados junto &agrave;s estradas e na sua proximidade.</p> <p>No ano passado foram salvas quase 7.000 aves, cerca do dobro do n&uacute;mero m&eacute;dio registado nos &uacute;ltimos sete anos.</p> <p>Alguns dos cagarros juvenis salvos nos A&ccedil;ores h&aacute; mais de sete anos j&aacute; regressaram ao arquip&eacute;lago para acasalar e ter as suas crias.</p> <p>&nbsp;</p> <p>Fonte: Local.pt</p> <p>http://local.pt/portugal/acores/campanha-sos-cagarro-2014-arranca-hoje-com-acao-de-sensibiliz%E2%80%8Bacao-na-horta/</p>

Recomendar este sítio a um amigo Copyright © Via Oceânica 2008 - Todos os direitos reservados