É necessário a instalação do Flash Player para conseguir visualizar correctamente esta página.
Clique aqui para mais informação.

Notícias

Parque Natural do Faial é o primeiro destino europeu de excelência em Portugal

Terça-Feira, dia 28 de Junho de 2011

Depois de ter sido apontado pela Associação Turismo de Portugal como representante nacional no Prémio EDEN (European Destinations of Excellence), o Parque Natural do Faial foi confirmado pela Comissão Europeia como o primeiro destino EDEN do país.
A apresentação do prémio foi feita na tarde de ontem, pelo secretário regional do Ambiente e do Mar, Álamo Meneses, e pelo director do Parque Natural do Faial, João Melo, a bordo da embarcação da empresa faialense OceanEye, que permite a observação subaquática dos mares dos Açores. O objectivo da viagem foi, como explicou o governante, mostrar que o Parque Natural do Faial não se limita ao território terrestre.
O prémio EDEN é atribuído desde 2007 aos Destinos Europeus de Excelência. Trata-se de uma iniciativa da Comissão Europeia, com o objectivo de promover modelos de desenvolvimento sustentável. Em 2011, Portugal associou-se pela primeira vez ao projecto, e os resultados não podiam ter sido melhores para os Açores: na primeira selecção, feita pelo Turismo de Portugal, o Parque Natural do Faial foi eleito como o representante português aos prémios EDEN, ficando o Parque Natural da vizinha ilha do Pico em segundo lugar. Agora, a Comissão Europeia confirmou o Parque Natural faialense como o primeiro destino EDEN do país.
Este ano o tema escolhido prendeu-se com a valorização turística de sítios, pelo que foram privilegiados os destinos turísticos não tradicionais que tenham requalificado os seus espaços naturais e o seu património, convertendo-os em atracções turísticas. Além disso, uma característica fundamental para que qualquer projecto seja considerado um destino EDEN é a demonstração da sua sustentabilidade.
Tendo tudo isto em conta, João Melo explica quais os principais “trunfos” da candidatura faialense, que lhe valeram a distinção: “o facto dos nossos cinco centros de visitantes (Centro de Interpretação do Vulcão dos Capelinhos, Jardim Botânico, Fábrica da Baleia, Casa do Parque e Casa do Cantoneiro) resultarem da recuperação de edifícios antigos, a recuperação que fizemos dos trilhos pedestres e a melhoria das zonas de contemplação, assim como a elaboração de um guia do Parque Natural fizeram com que estivéssemos perto de conseguir a classificação máxima”, refere o responsável pelo Parque Natural do Faial.
Contributo para a promoção turística do Faial e dos Açores
A distinção EDEN ao Parque Natural do Faial aumenta a fasquia da gestão daquele espaço. Esta deve continuar a pautar-se pela sua sustentabilidade, e ser orientada para a conservação da diversidade.
Para o secretário regional do Ambiente e do Mar, este galardão é de extrema importância, já que coloca o Parque Natural do Faial “entre os destinos mais prestigiados da Europa, no que diz respeito ao Turismo de Natureza”. “Este galardão tem uma importância extremamente grande para a promoção dos Açores em geral e do Faial em particular, já que vem ressalvar de a qualidade do trabalho que tem vindo a ser feito n estruturação do parque, na sua promoção e na sua gestão”, refere Álamo Meneses, para quem esta distinção premeia simultaneamente a qualidade do Parque Natural do Faial e a sua boa gestão, já que a sustentabilidade foi um critério extremamente valorizado pelo júri.
Segundo o governante, o facto de a partir de agora se poder associar o Parque Natural do Faial aos destinos de excelência a nível europeu é uma grande mais-valia em termos promocionais, já que o símbolo dos destinos EDEN passa a poder integrar todo o material de promoção do parque e da ilha, o que representa para o exterior “um símbolo de prestígio e uma garantia de qualidade”. Agora o Faial e os Açores podem beneficiar de toda a promoção dos destinos EDEN que está a ser feita na comunicação social europeia. O reconhecimento da qualidade do Parque Natural do Faial representa um incremento da qualidade da oferta turística regional, sendo que o aumento da visibilidade poderá ser uma importante arma para combater a sazonalidade, o principal problema que actualmente se coloca ao turismo na Região.
Parque Natural ao serviço da economia local, na terra e no mar
Não foi por acaso que o Prémio EDEN foi apresentado a bordo da embarcação da empresa faialense OceanEye. Esta jovem empresa começou a operar este ano, com uma oferta inovadora: trata-se de uma embarcação que permite a observação subaquática. Por isso, foi o meio de transporte ideal para levar a comunicação social a ter uma nova perspectiva sobre o Parque Natural do Faial, que não se limita à área terrestre. O Parque Natural do Faial é, de resto, de entre todos os parques naturais dos Açores, aquele que possui maior extensão marítima, como lembrou o secretário regional do Ambiente e do Mar.

A OceanEye é também, segundo Álamo Meneses, um exemplo de como o Parque Natural do Faial pode ser potenciador de actividades económicas. 

 

 

 

 

Fonte: Tribuna das Ilhas, 28-06-2011

http://www.tribunadasilhas.pt/index.php?option=com_content&view=article&id=2132%3Aparque-natural-do-faial-e-o-primeiro-destino-europeu-de-excelencia-em-portugal&catid=1%3Alocal&Itemid=2




Quiosques de Turismo




Recomendar este sítio a um amigo Copyright © Via Oceânica 2008 - Todos os direitos reservados