É necessário a instalação do Flash Player para conseguir visualizar correctamente esta página.
Clique aqui para mais informação.

Notícias

Águas balneares dos Açores atingiram a classificação de "excelente" em 95% dos casos

Sábado, dia 12 de Novembro de 2011

Das 56 zonas balneares dos Açores que já apresentam um historial consistente para que sejam classificadas  de acordo com a legislação em vigor, 53 obtiveram, em 2011, a classificação de “excelente” e as restantes três de “boa”. Não há nos Açores áreas balneares classificadas com o nível de “aceitável” ou “mau”.

 

A revelação foi agora feita pela Secretaria Regional do Ambiente e do Mar, através da Direcção Regional dos Assuntos do Mar, entidade responsável pelo controlo de qualidade das águas balneares.

 

A avaliação da qualidade das águas, no que diz respeito às “águas balneares identificadas” corresponde a locais que, no contexto da União Europeia, estão aptos para a prática balnear em resultado da respectiva água apresentar valores de qualidade que respeitam as normas em vigor e são avaliadas nos termos do anexo IV do DLR n.º16/2011/A, de 30 de Maio, após o fim de cada época balnear.

 

Utiliza-se para isso um conjunto de dados sobre a qualidade das águas recolhidas durante a época balnear transacta e as duas ou três épocas balneares anteriores, os quais devem consistir sempre em pelo menos 16 amostras.

 

Assim, a classificação das águas balneares identificadas para a Região determinou que todas as áreas tivessem qualidade boa e, dentro destas, 95% atingiram mesmo a classificação de excelente.

 

“Isto demonstra que, de facto, o mar dos Açores tem uma qualidade inquestionável e que há um compromisso assumido e respeitado por parte das entidades gestoras cumprindo a garantia estabelecida perante a Comissão Europeia de uma consistente manutenção das condições de usufruto de cada água balnear ao longo dos anos”, disse Frederico Cardigos, o Director Regional dos Assuntos do Mar, lembrando que, para além da qualidade da água, “existem infra-estruturas, há vigilância nos casos em que esse compromisso é assumido, há informação e assistência aos banhistas”.

 

“A Região Autónoma dos Açores pode congratular-se com a qualidade das suas águas balneares, uma vez que 100% são utilizáveis, podendo escolher-se livremente entre as nossas zonas balneares já que, para além de  locais fantásticos, dão-nos garantias de qualidade e segurança”, afirmou o Director Regional.

 

Fonte: Correio do Norte, 12-11-2011

http://correionorte.com/governo-dos-acores/153684-gacs-aguas-balneares-dos-acores-atingiram-a-classificacao-de-qexcelenteq-em-95-dos-casos




Quiosques de Turismo




Recomendar este sítio a um amigo Copyright © Via Oceânica 2008 - Todos os direitos reservados